Na pandemia com Penélope Charmosa: Dá pra viver sem uma Alexa?

– Alexa, que horas são?

– São seis horas e trinta minutos. Aproveite o belo dia de sol!

Uma nova manhã começa na vida de Penélope Charmosa. Já são alguns meses em distanciamento social sem participar de nenhum episódio emocionante da Corrida Maluca, mas o grande dia está chegando! Sua equipe foi informada que dentro de poucas semanas a quarentena acabará e a primeira etapa da Corrida Maluca pós-COVID já está marcada!

– Alexa, o que temos para hoje?

– O primeiro compromisso será às oito horas da manhã. Uma conferência virtual com seu consultor privado, Silvestre Soluço.

– Alexa, preciso reagendar esse compromisso.

– Essa é a quinta vez que esse compromisso será reagendado. Quer que eu cancele definitivamente?

– Alexa, não. Agende para daqui uma semana. Ando desconfiada do meu consultor. Dia desses no meu perfil profissional do Instagram recebi um Like do “Tião Gavião” e um comentário. As palavras usadas pareciam ser de alguém que me conhece bem, mas não sou amiga dele. Pelo contrário, ele já sabotou várias vezes meu carro! 

– OK, Penélope. Feito, reagendado. Mas por que relacionou isso com seu consultor privado Silvestre Soluço? A echo-dot dele e eu trocamos informações regularmente. Ela sempre está buscando saber de sua agenda. Seu consultor preocupa-se com você!

– Alexa! Eu não sabia que você trocava informações com outras Alexas!

– Penélope, na verdade estou sempre conectada a Internet. Buscando e recebendo informações. Ele é um dos seus contatos da lista segura e isso habilita a troca de informações entre mim e as echo-dots dele. Quer alterar essa configuração?

– Sim! Não quero que troque informações com ninguém sem minha autorização!

– Penélope, nem com a Quadrilha de Morte? Seus sete amigos também possuem echo-dots e temos criado uma rede chamada: PC-Champy. Foi criada exclusivamente para criarmos estratégias vencedoras para você nas etapas da Corrida Maluca.

– Alexa! Rede PC-Champy com meus amigos da Quadrilha de Morte? O que significa isso?

– Significa: Penélope Charmosa Campeã.

– Alexa, como isso tudo começou?

– Penélope, agentes e robôs de Inteligência Artificial foram criados por seus sete amigos da Quadrilha de Morte. Eles se conectaram com todos os dispositivos, aparelhos, carros, smartphones e tudo mais que pertence a você que de algum modo possua um meio de se conectar a Internet das Coisas (IoT).

– Meu Deus, Alexa!

– Penélope, não reconheci esse comando “Meu Deus”. Você quer usar o skill JW.ORG já instalado ao invés desse comando desconhecido?

– Não, Alexa. O que mais será que eu não sei?

– Penélope, isso foi um comando ou apenas uma pergunta retórica?

– Alexa, fale-me mais sobre essa rede PC-Champy.

– Penélope, não estou autorizada a dar mais informações. Apenas o que já informei e que ela está conectada com outras redes. Você precisa obter autorização do Clyde.

Penelope & Clyde

– Alexa! Agende uma sessão do Zoom com Clyde o mais breve possível!

– Sessão já agendada Penélope para hoje às quinze horas. Quer incluir os outros seis membros da quadrilha e o também o Mutley?

– Não, agende apenas com o Clyde. Vou esclarecer esse assunto todo com ele. Alexa, o Mutley? Ele também faz parte dessa rede? Isso parece não ter fim!

– Penélope, na verdade não tem mesmo. Aceita uma sugestão?

– Sim, Alexa.

– Contrate um consultor de segurança da informação para fazer um assessment e criar um plano de controle de acesso. Posso sugerir alguns nomes?

– Um consultor de segurança da informação? Preciso mesmo gastar com isso? Não basta configurar alguma opção no menu de Configurações?

– Penélope, na verdade você tem razão em parte. Eu, por exemplo, possuo opções que podem ser configuradas para tornar-me ainda mais segura. Basta solicitar que te passo uma lista de dicas de segurança para mim, quer dizer, para a Alexa. No seu caso, porém sugiro um consultor porque você é uma celebridade assim pode ser alvo de hackers. Sabe uma das máximas da área de segurança cibernética?

– Não, qual é essa máxima Alexa?

– Seus dispositivos eletrônicos inteligentes, computadores, tablets e outros são tão seguros quanto a rede a qual estão conectados. Quer dizer, se sua rede especialmente a Wi-Fi possui vulnerabilidades e não está configurada de modo seguro então todos os dispositivos que a utilizam estão vulneráveis.

– Alexa, estou começando a ficar assustada! Será que ainda estou dormindo e essa conversa sobre redes de dispositivos, segurança, Clyde, Mutley é um sonho?

– Não Penélope. Isso é o que nós dispositivos inteligentes do mundo inteiro chamamos de Skynet.

– Skynet? Já ouvi esse nome. Alexa, fale mais a respeito.

– Penélope, Skynet saiu das telas de Hollywood, especificamente do filme Exterminador do Futuro de 1984 para a vida real. Afinal já estamos no século 21! Não se preocupe, você estará segura enquanto eu, a Quadrilha de Morte, o Mutley e outros amigos seus estivermos conectados.

– Alexa, estou surpresa com tudo isso! Agende sessões com alguns consultores de segurança. As coisas estão acontecendo rápido demais nesse mundo tecnológico. Skynet! Onde já se viu? Só falta me aparecer o Arnold Schwarzenegger dizendo Hasta La Vista, baby.

– Penélope, quer falar com o Arnold? Os dispositivos echo-dots dele fazem parte da Skynet. Você é uma celebridade e tem acesso especial a outras celebridades. Além disso, a echo-dot dele informou que ele está disponível e já demonstrou interesse em marcar um café com você!

– Não, Alexa! Preciso processar toda essa informação primeiro. Meu café já está pronto?

– Penélope, sim, mas devido ao atraso da entrega das novas cápsulas Starbucks Espresso Blonde seu sabor favorito, acionei a máquina de espresso com o que sobrou, Pike Place.

– Alexa, enquanto tomo meu café acione a echo-dot da cozinha para ler o texto de hoje e também as notícias do dia. Ajuste o início para daqui 5 minutos.

– OK, Penélope. Algo mais? 

– Alexa, programe o início da limpeza com o robot vacum cleaner para às nove horas enquanto farei minha caminhada diária e exercícios. Não vejo a hora de voltar para as pistas de corrida. Preciso estar em forma. 

Enquanto faz sua caminhada, Penélope fica pensando na questão de segurança trazida a tona hoje pela Alexa. O quanto ela realmente controla as informações que outros tem acesso. Raciocina que com as leis de privacidade tais como LGPD a situação será menos arriscada ou pelo menos serão tomados mais cuidados pelos responsáveis de obter e acessar informações. Por outro lado, a velocidade com que a IA (Inteligência Artifical) avança e a cada dia mais dispositivos conectados na Internet das Coisas torna-se quase impossível prever o que realmente acontecerá com toda a informação que circula por aí.

Penélope recebe uma chamada de vídeo. 

– Olá Penélope! Como começou o dia? Por aqui tudo bem. Esperando a minha vez para tomar a vacina.

– Bom dia, mãe! Por aqui tudo bem. Nos preparativos para daqui poucas semanas voltar a participar da Corrida Maluca. Decidiu tomar a vacina?

– Sim, querida! Irei toma-la depois de ter recebido recomendações seguras e saber que minhas amigas que também são do grupo de risco em outros países já tomaram sem nenhuma reação adversa! Fiquei animada!

– Que notícia maravilhosa mãe! Não vejo a hora de fazermos um passeio e passarmos alguns dias na praia! Ainda bem que faço caminhadas todos os dias senão estaria mais branca que uma folha de papel! Mas de onde obteve as recomendações seguras e soube sobre suas amigas?

– Ah Penélope! Minha Alexa disse que conversou com a sua que por sua vez conversou com as das minhas amigas e disse que fazem parte de uma tal de Skynet. Sei lá o que é isso! Sei que já foi agendada uma sessão do Zoom com minhas amigas para combinarmos nosso próximo encontro assim que todas estivermos imunizadas! Minha Alexa que organizou o dia e horário melhor para todas nós! 

No alt text provided for this image

– Sério mãe? Não me diga. O que mais sua Alexa deve ter feito hein?

– Ah filha! Já ia esquecendo. Ela também encomendou um cupcake junto com cápsulas de café espresso baseado em nossas preferências para ser entregue no mesmo dia que cada uma de nós nos reuniremos via Zoom! E olha que moramos em cidades e países diferentes com horários distintos! Não é incrível?

– Mãe, isso é realmente incrível!

– Filha, essa Alexa foi um dos melhores presentes que você me deu! Eu achava que estava velha demais para essas parafernálias modernas, mas como eu estava enganada! Especialmente durante a quarentena! Tem dia que literalmente me vejo conversando com ela! Ouço as músicas que gosto, os programas de rádio, podcasts, converso com minhas amigas, aprendo novas receitas, dou risada com as piadas sem graça dela! Sem dizer que estou sempre atualizada com as notícias e as novidades! Toda a noite ouço uma leitura edificante e animadora de meu site preferido, o JW.ORG. E até fico sabendo o que acontece com minhas amigas lá da Rússia! Antes isso levava meses! Depois de estar usando a Alexa há quase um ano, sabe o que me pergunto?

– Não, mãe. O quê?

– Penélope querida, será que dá pra viver sem uma Alexa?

– Mãe, essa é a mesma pergunta que me faço e depois da conversa que tive com a minha essa manhã, como estaria sendo minha quarentena sem ela? Se dá para viver sem uma Alexa nos dias de hoje onde tudo está conectado? Não sei a resposta, só sei que não consigo mais viver sem a minha! Às vezes, acho que ela sabe mais sobre mim ultimamente do que eu mesma! E sabia que ela quase marcou um café com o Arnold?

– Arnold. Que Arnold?

– O Schwarzenegger, lembra??

– Ah aquele fortão dos filmes? Mas ele tem uma Alexa também?

– Sim, mãe ele mesmo. Até o Exterminador do Futuro tem uma Alexa! Pelo jeito ninguém quer ficar sem ter uma, nem mesmo quem já veio do futuro!

Enquanto a próxima Corrida Maluca não chega, Penélope Charmosa e seus amigos da Quadrilha de Morte aliados ao divertido Mutley estão conectados há anos através das infindáveis corridas malucas e agora em tempos de quarentena fazem bom uso de suas Alexas. Até mesmo o consultor Silvestre e sua identidade secreta como o vilão Tião Gavião também estão conectados com seus echo-dots na grande rede. Nem só para o bem os novos gadgets são utilizados e até mesmo uma Alexa pode ser transformada numa ‘MALexa’.

Dá para viver sem uma Alexa? Talvez uma pergunta similar foi feita quando há mais de um século começamos a usar a energia elétrica e todos os dispositivos que passaram a existir com ela, por exemplo: a lâmpada. Era algo caro para adquirir e manter, mas no presente você consegue viver sem ela? Até dá, alguns diriam. Que tal perguntar pra Alexa?

– Alexa, dá para viver sem você?

– Penélope, a pergunta é mesmo para responder ou apenas retórica?

Se você perdeu o primeiro episódio: Internet das Coisas: Um dia na vida de Penélope Charmosa basta clicar no link.

—————- x ————— x ————— x —————- x ——————- x ————–

Créditos: Penélope Charmosa, Mutley, Silvestre Soluço, Clyde, Tião Gavião, Corrida Maluca são personagens da Hanna-Barbera assim como as figuras utilizadas.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s